Zubeldía é o novo treinador do São Paulo depois de demissão de Carpini

zubeldía são paulo técnico coach allenatore

O São Paulo acertou a contratação de Luis Zubeldía, até então técnico da LDU Quito, para substituir Thiago Carpini, demitido pelo clube nesta última quinta-feira.

Entenda as razões que levaram à descontinuidade do trabalho de Carpini, bem como a trajetória e perspectiva de Zubeldia no comando do Tricolor Paulista.

Siga-nos nas redes sociais para ficar por dentro das novidades do futebol estrangeiroInstagramFacebook e X.

A era Carpini no São Paulo

Conforme noticiado em oportunidades anteriores, Thiago Carpini chegava ao São Paulo no início do ano para substituir Dorval Jr., que assumia a Seleção Brasileira.

De lá pra cá, foram apenas 18 jogos no comando da equipe, conseguindo 8 vitórias, 4 empates e 6 derrotas.

No trajeto, conseguiu ser campeão da Supercopa do Brasil, contra o Palmeiras, o que parecia ser um bom indicativo para a sequência do trabalho, que não se concretizou.

Passada a euforia da conquista, Carpini passou a implementar cada vez mais seu estilo de jogo, em detrimento ao de Dorival Jr, que ainda estava fresco na cabeça dos atletas.

Com isso, os resultados negativos começaram a aparecer no próprio Campeonato Paulista. O Tricolor foi eliminado, dentro de casa, contra o Novorizontino.

Mesmo com a pressão da desclassificação, a diretoria o manteve no cargo.

São Paulo pagará multa milionária a Carpini após demissão - TNH1

Imagem: Rubens Chiri / SPFC

Porém, a equipe parecia não evoluir, mas sim declinar. Isto ficou mais evidente também com os resultados obtidos na Copa Libertadores.

Fora de casa, derrota para o Tallares, que é uma verdadeira pedra no sapato do São Paulo.

No Morumbi, vitória sobre o Cobresal por 2×0, mas que não convenceu a diretoria, tampouco a torcida.

A gota d’água foi a derrota, em casa, para o Fortaleza, na estreia do Campeonato Brasileiro, por 2×1. A partir daí, a diretoria passou a buscar opções no mercado.

A demissão de Carpini teve um preço alto. Lembrando que, para tirá-lo do Juventude, foi necessário o pagamento de R$ 1 milhão, que deverá ser somado ao custo de sua rescisão, estabelecida em três salários, ou R$ 1,2 milhão.

Portanto, o custo total da passagem do treinador de 41 anos foi de R$ 2,2 milhões, por apenas 18 partidas.

Por fim, vale mencionar um fato curioso. Carpini finaliza sua passagem com 50% de aproveitamento e um título conquistado.

Já Dorival Jr., incontestado pela torcida, mídia e diretoria, deixou o Tricolor com 51% e um título conquistado.

Claro que aqui estamos falando de números vazios, já que a conquista da Copa do Brasil não pode ser comparada à Supercopa, além da boa campanha na Copa Sul-americana feita pelo atual técnico da Seleção Brasileira. Sem contar o futebol apresentado.

Thiago Carpini é demitido do São Paulo | são paulo | ge

Imagem:  Jorge Rodrigues/AGIF

Quem é Luis Zubeldía?

Zubeldía é um verdadeiro prodígio do futebol, quando falamos de treinadores.

Argentino, iniciou sua carreira em sua terra natal, com apenas 28 anos, comandando o Lanús, importante time de Buenos Aires.

Não parou por aí e rodou não só a Argentina, como o mundo.

Treinou também o Almería, Alavés, Santos Laguna, Racing, Indepiendente Medellin e Cerro Porteño.

Esta foi sua segunda passagem pela LDU e sem dúvida o trabalho no qual teve o melhor desempenho.

Zubeldía montou uma ótima equipe. Sabendo explorar muito bem a velocidade de seus jogadores e a altitude de Quito, ele levou a LDU, novamente, ao título do Copa Sul-americana.

Além disto, se sagrou campeão equatoriano.

O treinador tem apenas 43 anos e ainda pode evoluir muito.

A questão aqui é se ele está preparado para assumir um clube como o São Paulo.

Embora já tenha passado por diversas equipes de diferentes continentes, nenhuma delas se assemelha ao tamanho do Tricolor Paulista.

Desta maneira, tantas outras obrigações e características são exigidas para lidar com a pressão que é comandar um clube como esse.

Ademais, pega o time num estágio da temporada em que os demais treinadores já tiveram, ao menos, a pré-temporada para conhecer seu elenco e trabalhá-lo. Agora, Zubeldía não terá tempo hábil para fazer muitos testes.

O São Paulo corre risco de desclassificação na Copa Libertadores e não inicia bem o Brasileirão, com duas derrotas. O time não pode demorar a engrenar.

Caso contrário, pode ir ficando para trás e complicando sua situação. Lembrando que o São Paulo é a única equipe, ao lado do Flamengo, a nunca ter sido rebaixada (devido ao rebaixamento do Santos na temporada anterior).

Um outro ponto é a falta de familiaridade de Zubeldía com o futebol brasileiro. É uma liga muito peculiar, com nível superior às demais da América do Sul. Mais um fator complicado de adaptação.

Além disto, o São Paulo possui jogadores de características muito diferentes da LDU.

O elenco do Tricolor conta com muitos jogadores de idade avançada, com refinado toque de bola e técnica. Porém, são poucas as opções de velocidade e explosão da equipe, que tem optado por um estilo de jogo mais postado e de troca de passes, desde Dorival Jr.

A LDU, por outro lado, explorava os contra-ataques em jogos fora de casa e, quando tinha a altitude a seu favor, exercia pressões intermináveis, com ultrapassagens e finalizações dos mais diversos pontos do campo.

De qualquer forma, o Zubeldía já demonstrou em outros trabalhos ser um profissional de repertório. Pode ser considerado uma aposta, mas que tem condições de fazer um bom trabalho.

Acreditam que ele vingará no comando do São Paulo?

São Paulo acerta a contratação de Luis Zubeldía, ex-técnico da LDU

Imagem: Instagram Comenbol

Escrito por Vitor F L Miller.

Artigos Mais Recentes
Tags: Brasileirão

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir